O natal é comemoração do nascimento de Deus na terra. O nascimento de Jesus. Comemora-se este evento com festas, enfeites, boa comida, troca de presentes, abraços, momentos de esquecermos as diferenças e nos unirmos em torno de um só momento. O momento de comemorarmos quem realmente nasceu.

Com o passar do tempo outro personagem entrou em cena e desbancou quem realmente tinha que ser adorado e exaltado. O personagem com a atribuição de realizar os desejos principalmente das crianças e alimentar sonhos e esperanças para quem se comportasse durante o ano, na tentativa de substituir quem nesta data tem a atribuição de receber Louvor e Adoração.

O natal que anunciamos não é o natal do consumismo desenfreado, dos presentes caros, dos tapinhas nas costas, dos cumprimentos falaciosos ou ainda em demonstração de altruísmo de ocasião.

O natal que comemoramos é o real nascimento de Cristo no meio dos homens, Deus desceu na terra para habitar no meio de nós com a sublime missão de nos salvar. Ele se fez um de nós, por isso nos entende, nos conhece e nos amou de tal maneira a ponto de se fazer humano.

Nossa mensagem para você é que permita que ele nasça em seu coração, faça morada para ter uma vida vitoriosa. Hoje é tempo de receber o Senhor em sua vida. Feliz Natal!